De 600.000 romenos que sofrem de doenças reumáticas ou lesões músculo-esqueléticas – o Jornal Galenus

   Uncategorized

50% de absenteísmo do trabalho na Roménia é causado por ou lesões músculo-esqueléticas. As estatísticas apresentadas por ocasião do “Dia Mundial de Luta contra a Artrite” (12 de outubro) mostra que cerca de 600.000 pessoas têm problemas devido a essas doenças. Além disso, Liga romena contra o Reumatismo e a Sociedade romena de Reumatologia, sob a égide da Liga europa contra o Reumatismo, continua a campanha “não perca tempo, Ligue Hoje” (“Sem demora! Faça uma consulta!”), o que é destinado a destacar a importância do diagnóstico precoce no caso de doenças reumáticas.

De 2.000 romeno crianças que sofrem de artrite juvenil

A falta de informação e o atraso com que os pacientes apresentam ao médico, levando a um diagnóstico tardio, ou mesmo a falta dela, e se não forem tratadas corretamente, as doenças reumáticas podem afetar as atividades diárias dos pacientes, mas também suas habilidades físicas, atrair a atenção de especialistas.

“Embora o nível de percepção, fato confirmado por pesquisas recentes, são consideradas as doenças dos idosos, doenças reumáticas, afetam de forma significativa o país, a população activa, jovens e até mesmo crianças. De volta a dor da inflamatórias afeta, mais comumente, as pessoas até a idade de 40 anos, embora a artrite começa, na maioria das vezes, em 40-45 anos, mesmo com pacientes mais jovens. Cerca de 2.000 crianças estão sofrendo de artrite juvenil, na Roménia, e há também uma percentagem significativa da população que, como confirmado pela pesquisa, poderia sofrer de uma doença reumatóide sem nunca ter ido a uma consulta do especialista para o reumatologista”, disse assoc. dr. Catalin Codreanu, presidente da Liga dos romenos contra o Reumatismo.

É preocupante o fato de que 65% dos entrevistados disseram que eles nunca foram para o reumatologista, que considerando que não é necessário ou que não tiveram problemas. Todos os dados estatísticos foram apresentados no Congresso Nacional de Reumatologia, realizado no período de 11 a 13 de outubro de 2018, em Poiana Brasov.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *